Armando de Lacerda e o Laboratório de Fonética Experimental de Coimbra

Saiu uma grande reportagem no Jornal Expresso, sobre um projecto de investigação desenvolvido pelo Investigador do Instituto de História Contemporânea, Quintino Lopes. Doutorado em História e Filosofia da Ciência pela Universidade de Évora.

Este projeto pretende recuperar a memória do Professor Armando de Lacerda (1902-84) e do Laboratório de Fonética Experimental da Faculdade de Letras de Coimbra (1936-72). Fundado e dirigido por Armando de Lacerda, este laboratório português era considerado em inícios da década de cinquenta como o mais avançado laboratório de Fonética Experimental da Europa.

A reportagem pode ser lida: AQUI

 

Publicado em 28.10.2019